Entendendo e diferenciando os vinagres

Para um conhecimento mais profundo dos vinagres é necessário inicialmente  diferenciar dois produtos comerciais utilizados na culinária moderna:
Aceto Balsâmico: Vinagre originário de vinho fermentado.
Balsâmico:  Produzido a partir do mosto da uva (primeira maceração antes da fermentação).

 Variedades de vinagres:

Vinho Tinto: aromático e ácido, utilizado no tempero de carnes vermelhas e saladas, podem ser envelhecidos e participar da composição de molhos.
Vinho Branco: menos aromáticos, possuem aromas leves. Podem ser utilizados em peixes e frutos do mar, ótimos em molhos para ostras. Misturados com açúcar aumentam a acidez mesclada ao sabor doce, ficando propícios a aves e risotos.
Framboesa: Possui sabor dominante, muito frutado e aromático, possui um equilíbrio harmônico entre doçura e acidez.
Cidra: O mais popular vinagre de frutas, sabor acido leve, perfumado e de fácil harmonização.
Arroz: Possui acidez variável com o tempo e processo de fermentação, compõem qualquer receita de sushi ou tempero de sashimi.
Cítricos: Com elevado grau de acidez, é o ideal para pratos com pimenta vermelha, tempero de folhas com queijos.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s