Vinhos, curiosidades sobre as uvas no processo de produção.

A uva madura contem altos teores de açúcar, que no processo de fermentação gera o álcool, conferindo nesse ponto inúmeras características aos vinhos.
Outros componentes importantes da estrutura das uvas são os ácidos essenciais que balizam a doçura do vinho, fornecem a sensação refrescante e equilibrada do vinho.
O momento ideal para a colheita da uva, popularmente chamada de Vindima, depende do projeto final das características desejadas aos vinhos.
Com o amadurecimento das uvas aumentam o açúcar, o tanino, a coloração e os demais componentes dos aromas e sabores, no entanto, reduz a acidez e as demais sensações gustativas.
A colheita antecipada gera vinhos ácidos e de difícil harmonização, já a colheita tardia pode produzir vinhos menos estruturados e pouco aromáticos.
Componentes da uva:
Pele
Estrutura responsável pelo fornecimentos dos corantes e taninos, conferem sabores e estruturas aos vinhos
Polpa
Constitui a maior parte da uva, contem água e açúcar, responsáveis pela transformação em álcool, pode fornecer, de acordo com a composição mineral, alguns sabores marcantes.
Sementes e engaço (cabinho residual)
Contem muitos taninos de sabor amago, retirados no processo de vinicultura para evitar aromas e sabores desagradáveis e fortes.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s