As pimentas e o estimulo sexual em mulheres


Alguns trabalhos científicos e relatos de receitas afrodisíacas, colocam a pimenta dos monges como a melhor alternativa para  estímulos sexuais. Quase todos os relatos associam melhora em libido em mulheres, no entanto, muitos desses trabalhos divergem em relação a dose e tempo de utilização.

A pimenta dos monges (Vitex agnus-castus) pode estar associada com diversos efeitos benéficos na saúde e desejo sexual da mulher. Esta erva contém vários constituintes ativos tais como, flavonoídes (casticina, kaempferol, quercetagetina), glicosídeos iridoídes (agnosido e aucubosido), além de óleos essenciais como limoneno, cineol e pineno .

A ação terapêutica da pimenta dos monges é atribuída a efeitos indiretos dos seus componentes sobre os níveis de hormônios como a prolactina e progesterona. Provavelmente estes efeitos hormonais ocorrem de forma dose dependente, pois, baixas dosagens de extrato de pimenta resultam em diminuição dos níveis de estrógeno e aumento dos níveis de progesterona e prolactina, possivelmente pela inibição do hormônio folículo estimulante (FSH) e estimulando os níveis de hormônio luteinizante (LH).

Os homens, com deficiências hormonais, podem apresentar quadro de disfunção erétil, diminuição da libido (desejo), infertilidade, baixa produção de espermatozóides e aumento no volume das mamas.
Em ambos os sexos, o excesso do hormônio prolactina pode determinar diminuição da densidade mineral óssea e até osteoporose. Outras manifestações que podem ocorrer: depressão, ansiedade, edema e obesidade.

A prescrição de 30 a 40 mg dia (quantidade presente em porções equivalentes a três colheres de sopa) já foi aprovada para irregularidades no ciclo menstrual, Tensão Pré-menstrual (TPM) e menopausa precoce, fatores que geralmente podem comprometer o desejo e a atividade sexual feminina .

A pimenta dos monges é geralmente bem tolerada, apresentando poucos efeitos colaterais.  Os efeitos são geralmente de natureza  gastrointestinais, dor de cabeça, vertigem, cansaço e boca seca.

O consumo regular de Capsicum spp. Pode, por outro lado,  promover a saúde dos vasos,  reduzindo o risco de doenças cardiovasculares.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s